Riscado de cor-de-rosa

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012 - Postado por Luiza Drumond às 12:10


O céu azul
Riscado de cor-de-rosa
Trazendo vento em tons
Amarelados.
Riscado em preto
A nuvem que deságua.
Trazendo a magoa
Em pingos grossos
Que cai um por um,
Fazendo reboliço
Na boca do estomago
Em ritmo marcado
E em hora inserta,
Deságua e despenca,
Faz curvas e evapora.
Em sabor agridoce,
Descendo a traqueia,
Passando em artérias e veias
Purificando tudo aquilo que passou.
Reações: