Cai meia dúzia de vezes na vida, levantei milhões de dúzias por minhas quedas

domingo, 17 de junho de 2012 - Postado por Luiza Drumond às 13:01



Ando parando, vivendo cada vez mais e deixando um eu costumava andar em direção ao precipício, talvez as pessoas estejam comigo ou eu talvez cada vez mais junto a elas. Ando numa fase violeta da vida, tudo rema de acordo, em direção perfeita, em felicidade disparada. Cai meia dúzia de vezes na vida, levantei milhões de dúzias por minhas quedas. Acho que quando a vida começa a fazer sentido, você cresce e talvez quando  felicidade não faz  mais sentindo, você a sente.  
Reações: