Anestesiada perda sem lágrimas

domingo, 18 de setembro de 2011 - Postado por Luiza Drumond às 10:13

Eu não sei por que o acordar tem que ser seguido de algo sempre tão ruim...Era para ser “bom dia”, ”boa tarde” e “boa noite” e não uma seqüência de manhãs, tardes e noites ruins. Eu realmente estou vivendo a vida em círculos... Ando, ando, ando e sempre volto ao mesmo estado de espirito ruim, e depois, tudo volta ser como era... E na cara dura e depois, tudo se repete... Eu fico me perguntando: "Até quando?" O coração não aguenta, a alma não aguenta, eu não aguento. Clamo por descanso.
Reações: